segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Alegria: esta é a receita para o sucesso nos carnavais do EC XI Paulista

Já é uma tradição.Esta é a mais fiel definição do carnaval no EC XI Paulista, notório clube localizado em Poá (grande SP). Com uma média de 1500 foliões durante as quatro noites de folia, o público volta para as suas casas satisfeito com mais um ano.
Na edição deste ano, o tema abordado foi a Copa do Mundo, a qual contou com uma decoração típica, incluindo grafites e bandeiras do Brasil presas em todo o teto do clube. Além de toda a alegria, principal receita do “11” – segundo o vice-presidente Benê – o clima de descontração não fica só no folião, e sim na banda Musical em Mi, que há quatro anos anima a galera, e também no DJ Geraldinho.

Veja as fotos:












5 comentários:

claudio disse...

o melhor carnaval de poa é no 11,muito familar ;muita alegria sem violencia ..pra que melhor !?

Fabio Rodrigues disse...

Pois bem, mais um ano o Carnaval no clube até pode ter sido um sucesso, porém quero relatar aqui o descaso ocorrido no primeiro dia de festa.

Quem não tinha o ingresso antecipado (meu caso), teve que encarar pelo menos uma hora de fila para comprá-lo. Vi muita gente, enfurecida, desistir.

A impressão que se tinha lá fora era de que o baile estava super lotado, tamanha a demora da fila. Quando entrei, porém, vi que a cena era outra. Apesar de cheio, na mínina usaram o manjado método de segurar a fila para dar a impressão de que estava "bombando".

Bem, gostaria de ressaltar que o clube não precisa disso, as noites, geralmente, lotam. Achei e acho uma falta de respeito com quem está lá fora. Já que a diretoria ganha um bom dinheiro nesses dias (o ingresso custava R$20,00 na porta)poderia contratar pelo menos mais dois seguranças para organizar o povo lá fora.

Era uma zona só. A fila quase chegando lá na esquina, uma muvuca se formava em frente a bilheteria e outra muvuca para entrar, tudo isso a passos lentos. O que era e é para ser uma noite de lazer e descontração, acaba se transformando em frustração. E pior, a gente paga para receber isso.

Lúcia Alves disse...

concordo plenamente com voce amigo fabio
respeito é bom e cabe em qualquer lugar.
lucia alves

ana vieira disse...

Ana viera
sem falar na cerveja quente .
qto a familiar e sem viol~encia há controversias, e também no quesito menor de idade .

Anônimo disse...

Por falar em menor de idade naõ posso deixar de relatar um fato que aconteceu comigo num salão em poá.
Fui curtir o carnaval com meu filho 14 anos, e fui empedida de entrar por um agente do conselho tutelar , até ai sem problemas ,mas ele estava acompnhado por um responsável no caso a mãe, enfim não houve acordo e tive que me retirar ou voltar sozinha . Diante disso questioneo o agente em questão pois meu filho frequanta os carnavais do XI paulista juntamnete com outros menores. perguntei se no Xi naõ havia agentes já que é notório o numero de menores.
Prefiro nem postar a resposta rsss, mas já devem imaginar